Estética

Como cuidar dos dentes após fazer o clareamento

POR - Dia 20 de fevereiro de 2018

Se você fez um clareamento dental, você deve estar com o sorriso mais branquinho e até mesmo aparentando ter alguns anos a menos – e é claro que você vai querer que esse efeito dure o máximo possível. Para isso, é essencial saber como cuidar dos dentes após fazer o clareamento.

Quando se fala em clareamento dental profissional, seja feito no consultório ou preparado pelo dentista para que o paciente faça em casa, a duração do efeito costuma ser de dois anos em média. Contudo, esse tempo varia de pessoa para pessoa e depende dos cuidados e da manutenção após o procedimento.

Pensando nisso, nós preparamos este artigo com tudo o que você precisa saber para manter o seu novo sorriso. Confira as dicas:

1. Saiba o que você pode comer ou não

A regra geral é evitar ou reduzir o consumo de alimentos que contenham muitos pigmentos, como molho de tomate, molho de soja (shoyo), cenoura, beterraba, açaí e chocolate, pois eles podem manchar os dentes.

Além disso, devem ser evitados os alimentos cítricos e ácidos. O clareamento em si não causa sensibilidade, mas pode potencializar a sensação caso a pessoa já sofra com o problema. E, nesse caso, alimentos com acidez elevada só tendem a contribuir com o desconforto do paciente.

É preciso ter ainda mais cuidado com alimentos pigmentados ou ácidos nas primeiras 48 horas após o clareamento dental, mas você não precisa passar fome. Em geral, opções como arroz, feijão, carnes, salada verde e frutas (exceto as cítricas e as vermelhas) não vão causar problemas se você esperar pelo menos meia hora depois do tratamento.

2. Evite bebidas que podem manchar o clareamento

Assim como no caso dos alimentos, as principais bebidas a serem evitadas são aquelas mais pigmentadas, como café, chá preto, vinho tinto e refrigerantes (principalmente à base de cola). Também é aconselhável evitar sucos naturais de beterraba e cenoura, que contêm betacaroteno em abundância, e o suco de uva integral.

Uma dica valiosa para não deixar de consumir suas bebidas preferidas por completo é a utilização de um canudinho ao ingeri-las. Isso ajuda a evitar o contato direto do líquido com os dentes, mantendo as substâncias causadoras de manchas longe do seu sorriso.

Outra sugestão de como cuidar dos dentes após fazer o clareamento é intercalar um copo de água entre as demais bebidas, de forma a diluir os corantes e pigmentos.

3. Siga as orientações para fazer uma boa higiene bucal

A maioria das pessoas acredita que a escovação deve ser realizada imediatamente após as refeições. Entretanto, os dentistas alertam para que os pacientes aguardem ao menos 30 minutos após o consumo de bebidas e alimentos ácidos para fazer a higiene bucal.

A justificativa para isso é que o ácido enfraquece o esmalte, que é a camada de proteção do dente. Portanto, escová-los no momento em que o esmalte já está sofrendo certo tipo de agressão só tende a danificá-lo.

Dessa forma, o procedimento recomendado é realizar um bochecho com água após o término da refeição para eliminar parte dos ácidos presentes na boca e aguardar meia hora para fazer a higienização completa.

A escolha da escova de dente deve ser feita com auxílio do dentista, pois cada paciente tem necessidades diferentes. Da mesma forma, recorra a este profissional para saber quais pastas e enxaguantes bucais você deve utilizar, pois alguns desses produtos contêm corantes em sua fórmula e podem manchar seu novo sorriso.

Complementar à escovação, o uso do fio dental deve ser diário e constante. Ele alcança locais em que a escova não pode entrar e remove sujeiras causadoras de tártaro, placas bacterianas e, consequentemente, as indesejadas manchas.

Uma dica especial: não é necessário escovar os dentes logo depois de sair de uma sessão de clareamento, pois o dentista fará uma profilaxia com aplicação de flúor, que precisa agir por algum tempo.

4. Tenha cuidado com o uso de batons

O uso de batom, principalmente de cores fortes como vermelho e roxo, deve ser suspenso durante o tratamento. Os pigmentos presentes na fórmula da maquiagem podem entrar em contato com os dentes e causar manchas. Você poderá voltar a usar batons escuros assim que o dentista liberar.

5. Fique longe do cigarro

A nicotina e o alcatrão presentes no cigarro são muito prejudiciais para o sorriso, sendo grandes responsáveis pelo escurecimento. Além disso, a nicotina se acumula na superfície dos dentes e favorece a formação do tártaro, deixando um tom amarelado.

Por isso, recomenda-se não fumar durante o clareamento e, de preferência, não retomar este hábito. Mais do que escurecer e manchar os dentes, o cigarro afeta significativamente a saúde, sendo um dos principais causadores de câncer de boca, garganta e pulmão.

Quanto tempo dura o clareamento dental?

O clareamento dental é tido como um dos procedimentos estéticos de melhor custo-benefício pelo fato de os dentes não voltarem para sua cor original. Isso, porém, não quer dizer que eles não vão amarelar ou escurecer alguns tons com o passar do tempo.

Para garantir o sorriso branquinho e a aparência sempre saudável, geralmente se recomenda fazer um retoque após seis meses ou um ano, de forma que as visitas ao dentista devem ser regulares. Por isso, sempre siga as dicas de como cuidar dos dentes após fazer o clareamento e compareça ao consultório para fazer as manutenções necessárias